/// INFORMAÇÕES

EndereçoParque Municipal Prefeito Altair Guidi
CidadeFlorianópolis
EstadoSanta Catarina
PaísBrasil
CEP88048-412

/// SOBRE

A ABC do Skate é a mantenedora da Metodologia A.

A Metodologia A é uma plataforma de Ensino multidisciplinar para desenvolvimento pleno da cultura skateboard.

 

/// História

Era 1999. Diante do desafio de criar um departamento de Skate para a SOGIPA – Sociedade Ginástica de Porto Alegre, o diretor do Departamento de Recreação do Clube, à época, coordenou a equipe multidisciplinar incumbida de desenvolver um método eficiente e seguro, e que protegesse os valores holísticos que a Cultura Skateboard contempla. Muito mais que manobras e desempenho sobre uma prancha com rodas, SKATE é uma CULTURA.

Era 1999. Diante do desafio de criar um departamento de Skate para a SOGIPA – Sociedade Ginástica de Porto Alegre, o diretor do Departamento de Recreação do Clube, à época, coordenou a equipe multidisciplinar incumbida de desenvolver um método eficiente e seguro, e que protegesse os valores holísticos que a Cultura Skateboard contempla. Muito mais que manobras e desempenho sobre uma prancha com rodas, SKATE é uma CULTURA.

Surgia a primeira versão da Metodologia A, viabilizando uma das primeiras escolas de skate em clubes no Brasil. A Metodologia A não ficou apenas nos clubes. Foco de atenção permanente de crianças de todas as origens, sociais, econômicas ou culturais, o skate atrai o interesse das crianças com necessidades especiais, passando pelas curiosas que

admiram  esportes expressivos e integradores, até os nosso pequenos com sintomas de hiperatividade,  a Metodologia A passou a atender escolas públicas, projetos sociais e associações locais.  O que inicialmente teve como objetivo viabilizar o advento das primeiras escolas de skate com planos de aula, com critérios de avaliação e organização didático pedagógica, tornou-se a principal plataforma organizada de fomento da Cultura Skateboard no país, tendo desenvolvido ao longo de todos estes anos amplo material técnico, Cursos, Oficinas, Clínicas, Laboratórios, Seminários, atividades extracurriculares em escolas, faculdades, atividades de contraturno escolar, apoiando ações de skatistas, formando instrutores de skate, auxiliando juízes, narradores, educadores físicos, ongs, projetos sociais e comunitários, skateparks públicos e privados, estudantes,  e todas as pessoas que tenham interesse de desenvolver CULTURA SKATEBOARD, principalmente fora dos grandes centros, nos locais onde existe mais carência de infraestrutura, poucos eventos e quase nenhuma investimento dos representantes das marcas.

/// Valores

Inclusão. Acolhimento. Pertencimento. Solidariedade. Igualdade de oportunidades. Luta pelos sonhos. Estilo de vida. Realização de ideais de vida. 

700x488banner2.png

/// Visão

Valorização local. Cooperação regional. Encontro de gerações. Respeito às origens. Evolução e melhoria contínua. Pesquisa, Ensino e Extensão. Esporte, cultura e lazer. Campeões das próprias vidas!

700x488banner4.png

Formação Instrutor Pleno . Skatista Graduado. Notório Saber. Laboratórios, Cursos e Oficinas. Atividades Complementares.

 

/// Siga-nos em nossas redes digitais. 

/// NOTÍCIAS

Confira nossas matérias mais recentes

CBSK DIVULGA SISTEMA CLASSIFICATÓRIO PARA O BRASILEIRO DE DOWNHILL SLIDE DE 2024

A Confederação Brasileira de Skateboarding (CBSk) divulga o sistema classificatório para o Campeonato Brasileiro de Downhill Slide de 2024, com previsão de realização entre os dias 14 e 17 novembro, em cidade a ser definida. A competição reunirá homens e mulheres nas categorias Profissional e Amador, tanto para o DHS quanto para o Longboard Downhill.

Os títulos brasileiros de Classic, DHS e Longboard Downhill das categorias Mirim, Iniciante, Master, Grand Master, Legend e Grand Legend, tanto Feminino quanto Masculino, serão definidos com base no ranking formado pelas etapas a serem realizadas ao longo do ano.

Clique aqui e confira o Sistema Classificatório para o Brasileiro de Downhill Slide CBSk 2024!

/// FONTE

Leia mais sobre CBSK DIVULGA SISTEMA CLASSIFICATÓRIO PARA O BRASILEIRO DE DOWNHILL SLIDE DE 2024
  • 0

LUCAS RABELO É O ÚNICO BRASILEIRO NO SLS APEX II, ÚLTIMO EVENTO DA STREET LEAGUE SKATEBOARDING ANTES DAS OLIMPÍADAS

Evento será realizado no dia 25 de maio, em Las Vegas, com pista inspirada na escadaria da Biblioteca de Los Angeles Os pontos conquistados são válidos para a classificação do SLS Championship Tour, que determinará a participação no SLS Super Crown World Championship, que acontecerá nos dias 14 e 15 de dezembro, em São Paulo As finais masculinas e femininas serão exibidas pelo SporTV 2 na segunda-feira, 27 de maio, a partir de 16h30

Las Vegas, maio de 2024 - A Street League Skateboarding (SLS) anunciou os skatistas que participarão da segunda edição do SLS APEX, modelo de competição condensado apenas com manobras individuais. A pista desta vez é inspirada nos degraus da Biblioteca de Los Angeles, um local de skate icônico que muitos fãs reconhecerão. O evento ocorre neste sábado (25) e as finais serão exibidas pelo SporTV 2 na segunda-feira (27), a partir das 16h30. 

Entre os homens, destaca-se a presença d…

Leia mais sobre LUCAS RABELO É O ÚNICO BRASILEIRO NO SLS APEX II, ÚLTIMO EVENTO DA STREET LEAGUE SKATEBOARDING ANTES DAS OLIMPÍADAS
  • 0

RAYSSA LEAL É CAMPEÃ DO OLYMPIC QUALIFIER SERIES EM DIA HISTÓRICO COM SETE BRASILEIROS NAS FINAIS

Rayssa Leal escreveu mais um capítulo importante do Brasil na história do skateboarding mundial. A skatista se sagrou campeã na primeira edição de um Olympic Qualifier Series, que teve Xangai (CHN) como sede.

“Estou muito feliz. Conquistei o primeiro lugar. Queria agradecer a todo mundo pela torcida. Muito obrigado a todo mundo que mandou energia positiva! Valeu pra quem ficou de madrugada assistindo. E é isso. Só tenho a agradecer”, comemora Rayssa Leal.

O domingo (19) na China — noite de sábado para domingo no Brasil — marcou as finais do Park e do Street, feminino e maculino, com um total de sete representantes do skateboarding nacional. Um número histórico para o Brasil.

O skateboarding brasileiro conta com 14 nomes no top 20 do ranking mundial olímpico. O limite de classificados aos Jogos de Paris é de 12 por país — leia mais sobre os critérios abaixo.

O evento contou com transmissão ao vivo desde a primeira fase p…

Leia mais sobre RAYSSA LEAL É CAMPEÃ DO OLYMPIC QUALIFIER SERIES EM DIA HISTÓRICO COM SETE BRASILEIROS NAS FINAIS
  • 0